Menu
Home
Notícias
Documentos
Agenda
Jovens
Comunidade
Opinião
Vídeos - Documentários
Foto Galeria
Dossiers
SCUT's
Universidade de Viseu
Serviço Finanças 2
Minas da Urgeiriça
Jornadas Parlamentares
Newsletter






A Tua Opinião Conta
a_tuabeira.gif 
     Car@ leit@r esta é uma
     secção sua.
     Uma secção onde serão
     publicadas as opiniões
     que nos enviarem com
     esse fim.
     Os textos deverão ser
     enviados para o e-mail:
      Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o JavaScript terá de estar activado para que possa visualizar o endereço de e-mail
     Não podemos publicar
     textos não assinados
     ou insultuosos.
adere.gif
Assina/segue-nos no:


Recebe automaticamente por email as novas notícias:


Insere o teu email


twitter-birds.png

Add to Google Reader or Homepage 

Outros

 

Site do Bloco de Esquerda de Viseu, Bloco, b.e., Esquerda de Confiança, Juntar Forças, São Pedro do Sul, Vouzela, Tabuaço, Oliveira de Frades, Santa Comba Dão, Penedono, Penalva do Castelo, Nelas, Mortágua, Tondela, Vila Nova de Paiva, Tarouca, Armamar, Resende, Cinfães, Carregal do Sal, Sernancelhe, São João da Pesqueira, Sátão, Coração de Jesus, Rio de Loba, Campo, Abraveses, São José, Orgens, António Minhoto, Osvaldo Numão, Maria Graça Pinto, Carlos Vieira, Carlos Couto, Daniel Nicola, Bandeira Pinho, Alexandrino Matos, Rui Costa, Joel Campos, António Amaro, Manuela Antunes, Carla Mendes, Joge Carneiro, Padre Costa Pinto, Francisco Louçã, Marisa Matias, Miguel Portas, Pedro Soares, Magaça

25 de Abril - Miguel Portas - Es.Col.A INTERVENÇÃO NA A.M. EXTRAORDINÁRIA DE 25 DE ABRIL DE 2012 PDF Imprimir

Senhor Presidente da Mesa da AM, restantes elementos da mesa, senhor Presidente da CMV, senhoras vereadoras e senhores vereadores, senhores presidentes de juntas de freguesia, senhor comandante do RIV e restantes convidados, minhas senhoras e meus senhores,

Antes de mais, permitam-me que dedique esta intervenção à memória do meu camarada Miguel Portas, fundador e dirigente do BE, economista, jornalista (fundador da revista Vida Mundial e de um dos mais inovadores projectos da história da imprensa em Portugal, o semanário Já, investigador e divulgador da história dos povos ligados pelo Mediterrâneo, que faleceu ontem num Hospital de Antuérpia, vítima de cancro de pulmão, doença que não o impediu de cumprir até ao fim as suas responsabilidades de deputado europeu (tinha entre mãos o relatório do Parlamento Europeu sobre as contas do BCE). Mas evocar Miguel Portas é também honrar o seu passado de lutador anti-fascista, preso aos 15 anos, no limiar da militância comunista. A ele e a milhares de outros como ele, devemos nós hoje a liberdade.

Permitam-me ainda que partilhe convosco a emoção que experimentei ao ouvir a crónica que Miguel Portas gravou para a Antena 1, em directo da Praça Sintagma, em Atenas, para onde viajara para ver na Grécia o futuro de Portugal, armadilhado pela austeridade e pela perda de soberania, e de onde nos transmitiu este facto extraordinário, que escapara à profusão de notícias e comentários com que os “media” nos atafulham o cérebro com informação selectiva: 400 operários de uma fábrica de produção de aço mantinham-se em greve há 117 dias, em solidariedade com 65 camaradas despedidos, exigindo a sua readmissão. À pergunta do eurodeputado como aguentavam 117 dias de greve numa situação de tamanha austeridade, os operários responderam que só sobreviviam graças à comida, bens e dinheiro que lhes mandavam os seus camaradas de outras fábricas metalúrgicas, organizados em comités de solidariedade. Extraordinário, não é?!... Pois foram exemplos de solidariedade, tão extraordinários como este, que fizeram da Revolução de 25 de Abril um período único e inesquecível na vida de muitos portugueses.

Ler mais...
 
Até sempre, Miguel! PDF Imprimir
Até sempre, Miguel!

Miguel Portas deixou-nos na passada terça-feira, na véspera do dia comemorativo da revolução que ele ajudou a construir e a poucos dias de cumprir, no dia 1 de Maio, cinquenta e quatro anos. Partiu um grande amigo, um camarada, cujo exemplo me iluminará o caminho.
Tive o privilégio de Conhecer o Miguel depois  do 25 de Abril, tinha ele cerca de dezassete anos e era, como eu, dirigente da União dos Estudantes Comunistas. Desde o primeiro contato impressionou-me a sua inteligência, o sentido de humor, a alegria contagiante, e a imensa cultura e capacidade de trabalho que pôs sempre ao serviço da transformação do Mundo. 
O Miguel era assim, um homem de dimensão maior, um cidadão do mundo que lutou até ao fim por todas as causas em que acreditava. Pertence ao panteão dos que não cruzaram os braços, dos insubmissos, daqueles que se entregaram à política de forma nobre, sem ambicionar as mordomias do poder, motivados apenas pelos seus ideais.
A prolongada doença que lhe ceifou a vida aos 53 anos não o impediu de continuar a manter a atividade política como dirigente nacional do Bloco de esquerda e deputado no parlamento europeu.
Sabíamos que a doença que o vitimou não tinha cura e que o desenlace seria, mais cedo ou mais tarde inevitável, mas quisemos acreditar que a força anímica do Miguel conseguiria trocar as voltas ao destino e que ele iria vencer mais esta batalha. 
 A notícia da sua morte deixou-me prostrada, mas tenho presente que o Miguel merece mais, que nos convoca a não baixar os braços, a prosseguir a luta, com lucidez e perseverança, a não desistir de contribuir para a construção de uma Esquerda Grande que torne possível a criação de um mundo mais justo e fraterno. 
Até sempre, amigo! Obrigada por teres existido.  

Graça Marques Pinto

 
Programa das Jornadas da Interioridade PDF Imprimir

JORNADAS DA INTERIORIDADE

Viseu, 17 de Março de 2012

Solar dos Peixotos – Viseu

(Assembleia Municipal – Rua Cimo da Vila Entre os CTT e a PSP)

 

       10,00 h. ABERTURA

-        Documentário TERRA DE SONHOS de Nuno Leocádio

       10,30 h. CULTURA E SERVIÇOS PÚBLICOS

-        JOÃO SEMEDO, deputado

-        MIGUEL TORRES, dirigente associativo 

-        LUIS COSTA, coordenador da BINAURAL/ Nodar

       12,00 h. Almoço

       14,00 h. AMBIENTE E MOBILIDADE (Ferrovia e SCUTS)

-        DANIEL CONDE, movimentos cívicos das Linhas do Tua e do Corgo

-        CARLOS D'ABREU, tod@via – Associação de Fronteira pou uma Via Sustentável/Associación de Frontera por una Via Sostenible), prof. na Universidade de Salamanca

-        CATARINA MARTINS, deputada

       15,30 h. Intervalo

       15,45 h. DESENVOLVIMENTO E DEMOCRACIA LOCAL

-        CARMO BICA, directora executiva da ANIMAR

-        ALBERTO MATOS, coordenador da Comissão Autárquica do BE

-        PEDRO SOARES, geógrafo, prof. Faculdade Letras de Lisboa

        17,00 h. Debate

       17,30 h. Encerramento por FRANCISCO LOUÇÃ

 
Jornadas da Interioridade: Viseu PDF Imprimir
Quem disse que o Bloco é (apenas) das grandes áreas metropolitanas? As Coordenadoras Distritais de Bragança, Vila Real, Viseu, Guarda, Castelo Branco, Portalegre, Beja e Faro juntaram-se e promovem no próximo dia 17, sábado, as Jornadas da Interioridade. Viseu vai se a "capital" da luta pelos direitos de quem vive no interior, nas áreas mais urbanas e nas mais rurais, de todas/os. Apareçam!
jornadas_interior.jpg
 
CINEBLOCO: Filmes ao Sábado PDF Imprimir
"Sicko - S.O.S. Saúde"
 
Sábado - 10 de Março - 16 Horas
 
Michael Moore
 
 
Este documentário mostra-nos um painel do deficiente sistema de saúde americano. A partir do perfil de cidadãos comuns, somos levados a entender como milhões de vidas são destruídas por um sistema que, no fim das contas, só beneficia a poucos endinheirados. Ali vale a lógica de que, se quiser permanecer saudável nos Estados Unidos, é bom não ficar doente. E, depois de examinar como o país chegou a esse estado, o filme visita uma série de países com sistema de saúde público e eficiente, como Cuba e Canadá.
 



"It's a Free World - Neste Mundo Livre"

Sábado - 24 de Março - 16 Horas

 

Ken Loach  

 Angie tem 33 anos e trabalha numa agência de recrutamento de trabalhadores temporários. Quando fica mais uma vez desempregada, e cansada de uma vida precária, decide criar o seu próprio negócio com a sua amiga Rose. Juntas montam uma empresa de recrutamento para trabalhadores imigrantes, que opera numa zona onde o trabalho é barato e as regras foram feitas para serem ignoradas. A possibilidade de ganhar mais dinheiro, sem olhar a consequências, é no mínimo tentadora. Mas a que custo?

Evento no Facebook

 Sede Bloco de Esquerda

Rua das Ameias, nº6, 1º Andar - Viseu

(Praça D. Duarte - Centro Histórico) 

 
Temporariamente sem actualizações PDF Imprimir

O site encontra-se temporariamente sem actualização.

Pedimos desculpa pelo incómodo. Retomamos as actualizações assim que possível.

Pode entrar em contacto connosco através do email Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o JavaScript terá de estar activado para que possa visualizar o endereço de e-mail e aceder ao portal nacional de notícias esquerda.net

 

 
OS CANDEEIROS DE MESTRE MALHO E AS TROCAS E BALDROCAS DE FERNANDO RUAS PDF Imprimir
Opinião
Texto de Carlos Vieira e Castro
  candeeiros.jpg
  
A arte do ferro forjado teve um dos seus mais ilustres artífices em Arnaldo Malho, que o seu amigo Aquilino Ribeiro epitetou como “o poeta do ferro”, por ter sabido como poucos transformar o ferro duro e frio em harmoniosas linhas e  poéticas volutas e por ter sabido reviver esta arte através do ensino na Escola Comercial e Industrial de Viseu, onde leccionou até 1950, dez anos antes de falecer.

    Há cerca de quatro anos  foram retirados os candeeiros de ferro forjado da autoria de Mestre Arnaldo Malho que se encontravam no Largo da Misericórdia (um na esquina com a Rua do Arvoredo e outro na esquina virada para o Adro da Sé), quatro nas paredes da Sé (um na esquina da antiga torre de menagem do castelo de Viseu, virado para as escadinhas, outro na esquina virado para o adro, um terceiro na esquina contígua à varanda dos cónegos, e o quarto na parede exterior dos claustros), mas já anteriormente havia sido retirado outro exemplar na fachada do Museu Grão Vasco, aquando das obras da remodelação projectada pelo arquitecto Souto de Moura. Da Igreja da Misericórdia desapareceram outros três exemplares: um na parede lateral virada para o Largo da Misericórdia, retirado há  dois anos pela EDP depois de  uma forte ventania o ter deixado  dependurado pelo fio, e os outros dois que ornavam a fachada,  em duas das bandas verticais em cantaria,  foram retirados no ano passado aquando das obras de limpeza da pedra.
Ler mais...
 
Marcha Lenta Contra as Portagens PDF Imprimir
image001.png
28 de Outubro - Marcha Lenta contra as Portagens - Saída para a A25 - Av. da Eutopa - 18h00 horas
 
 
Protesto percorre EN16 para provar falta de alternativas PDF Imprimir
ng1673522.jpgOs dois veículos pesados que partiram de Viseu em direcção a Aveiro, pela EN 16, para provar que não hà alternativas à A25, ficaram bloqueados em São Pedro do Sul devido a um acidente com um camião.

A comissão de luta contra as portagens na A25 faz hoje o percurso entre Viseu e Aveiro pela EN 16 com um camião pesado (TIR) e um autocarro para "desmentir o governo" sobre a existência de alternativas a esta via.

Os dois veículos pesados partiram cerca das 09:45, de Viseu, e têm chegada prevista "para depois do meio dia" a Aveiro, pela EN 16, que, ao longo do percurso, atravessa diversas localidades, como São Pedro do Sul ou Vouzela.

Esta iniciativa, como explicou à Agência Lusa Francisco Almeida, da comissão de luta contra as portagens, pretende vincar um dos principais argumentos, a falta de alternativas, usados na contestação à introdução de portagens, que o governo já anunciou que vão ser aplicadas durante o mês de Outubro.

A EN 16 tem cerca de 200 quilómetros de extensão e liga Aveiro a Vilar Formoso e foi concluída na década de 1940, sendo a A25, na forma de SCUT, sem custos para o utilizador, a via que hoje é utilizada para fazer exactamente o mesmo trajeto.

Um dos problemas da introdução das portagens na A25 resulta do facto de esta ter sido construída essencialmente no mesmo traçado do antigo IP5, que foi criado há mais de duas décadas para ser um percurso mais rápido e eficaz em substituição da EN 16.
 
Fonte: DN.pt
 
Notícias relacionadas:
 
 
Vários Protestos Marcados Contra as Portagens nas SCUT PDF Imprimir
A Loja do Cidadão de Viseu foi invadida por elementos da comissão contra as portagens na A23, A24 e A25. Era suposto ser uma mera recolha de assinaturas contra a introdução de portagens, mas, a determinada altura, elementos da comissão de utentes resolveram entrar nas instalações da Loja do Cidadão. Gerou-se alguma confusão e a polícia teve mesmo de ser chamada. A comissão de utentes garante que isto é só o início.
 
Fonte: SIC.pt
 
 
Jornal Bloco Set. 2011 PDF Imprimir

bloco_gratuito_21-web.jpg Jornal gratuito do Bloco de Esquerda, de Setembro de 2011, a que pode aceder aqui em pdf, clicando aqui.

 

 
Debate sobre educação em Viseu PDF Imprimir
O Bloco de Esquerda promoveu este sábado, dia 24 de Setembro, O segundo Encontro de Educação. A iniciativa, que teve como lema A escola que temos, a escola que queremos, contou com a participação de professores, encarregados de educação e animadores culturais, que partilharam reflexões sobre os desafios da Escola Pública e vivências em projectos de intervenção no âmbito da educação não formal.
Ler mais...
 
A Escola que temos, a Escola que queremos PDF Imprimir
poster-educa-web_rd.jpg 
 A Escola que temos, a Escola que queremos
 
24 de Setembro - Sábado
 
Solar dos Peixotos
(Assembleia Municipal de Viseu - Entre CTT e PSP)


1º Painel - Desafios da Escola Pública 14.30 – 16.20

Miguel Reis , professor – Escola de massas, o desafio da qualidade e da igualdade
Maria José Viseu, presidente da CNIPE – A perspectiva dos encarregados de educação
Inês Tavares, estudante do ensino secundário – A participação dos alunos e a construção de uma escola democrática

2º Painel – Educação e Conhecimento – 16.30

Jaime Pinho, professor - A escola produtora de conhecimento: estudos locais
Rui Martins, membro da Federação de Pais e Encarregados de Educação de Viseu – A importância da intervenção dos E.E. na educação formal e informal
Paula Fong, psicóloga - Partilha de vivências num projecto de educação informal em Viseu
Vanessa Correia – Uma escola diferente - testemunho sobre a participação no projecto da escola da Fontinha/Porto

19.30 - Encerramento

Evento no facebook: 

http://www.facebook.com/#!/event.php?eid=116725488433747

 
Onde estão os candeeiros do Mestre Malho? PDF Imprimir
mestre_malho.jpg
O deputado municipal do Bloco de Esquerda, em Fevereiro deste ano, questionou a Câmara sobre o paradeiro dos candeeiros de ferro forjado da autoria de Mestre Arnaldo Malho, o poeta do ferro, como lhe chamou Aquilino Ribeiro, tendo o presidente da autarquia respondido que estavam espalhados pelo centro histórico e na Santa Cristina . O deputado municipal do BE, Carlos Vieira, ficou atónito com tal resposta, mas teve de esperar pela Assembleia Municipal de 27 de Junho para tentar esclarecer o executivo de que não estavam a falar da mesma coisa (devia estar a falar dos candeeiros da escola de Meste Malho que a autarquia também retirou da Rua Direita e do Largo D. Duarte, embora tenha deixado alguns exemplares noutras ruelas do centro histórico e apresentou fotografias dos candeeiros em causa, retirados há três anos, de que não restam um único exemplar na cidade.

Ler mais...
 
Ambientalistas pedem urgência na descontaminação das casas da Urgeiriça ÿ PDF Imprimir
radioatividade.jpgA associação Ambiente em Zonas Uraníferas (AZU) anunciou que vai pedir à Empresa de Desenvolvimento Mineiro (EDM) e ao Ministério da Economia que avancem «urgentemente» com a descontaminação das casas da zona habitacional mineira da Urgeiriça.
Ler mais...
 
"Super Choque, Super Corte" PDF Imprimir
supercorte.jpgA política da troika à portuguesa cabe toda no programa do festival de Verão "Super Choque, Super Corte", que o Bloco de Esquerda anuncia neste folheto. Corte e Siga, Mandona, Xulos aos Pontapés, Bank Street Boys ou Fifty per Cent são as estrelas convidadas. Ver folheto em pdf.
 
Fórum Novas Ideias para a Esquerda PDF Imprimir
soc11a.jpgRealiza-se em Coimbra de 9 a 11 de Setembro o Fórum Novas Ideias para a Esquerda, promovido pelo Bloco de Esquerda. Está disponível aqui o programa completo e a ficha de inscrição
 
Acampamento Nacional - Liberdade 2011 - São Pedro do Sul PDF Imprimir
liberdade2011.jpg Já estão abertas as inscrições para o Acampamento Liberdade 2011 que este ano realiza-se de 20 a 24 de Julho, no Bioparque em S. Pedro do Sul.

Liberdade 2011 |  20 a 24 de Julho | Bioparque  | São Pedro do Sul/Carvalhais

Debates sobre educação, economia, austeridade, FMI, precariedade, sexualidades, revoluções árabes, feminismo, socialismo. Workshops políticos e culturais, festas, teatro, dança, música e muito convívio.
Este acampamento é o ensaio da mudança que queremos ser no mundo.Um mundo que é nosso, onde as discriminações e os preconceitos são deixados à porta.
Na construção deste outro mundo que é possível, falta uma peça: TU! 

Ler mais...
 
<< Início < Anterior | 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 | Seguinte > Final >>

Resultados 24 - 46 de 707
Destaque
bannercp11.jpg
Gui Direitos Estudante
brochuraestudantes.jpg
Revista Vírus
virus_12.jpg
Sites do Bloco

be_esq.jpg
grupo_parlamentar_copy.png
be_sitebe.jpg
 beinternacional.jpg
videos_parlamento.jpg 
videos_campanha.jpg
livraria_online_copy_copy.gif

be_ecoblog.jpg

Bloco no FacebookBloco no MySpace

 Bloco no TwitterBloco no Youtube

 Bloco no hi5Bloco no Flickr

Online
© 2017 Bloco de Esquerda - Distrito de Viseu
Joomla! is Free Software released under the GNU/GPL License.