Home arrow Opinião arrow Egipto, a hora da Libertação!
Menu
Home
Notícias
Documentos
Agenda
Jovens
Comunidade
Opinião
Vídeos - Documentários
Foto Galeria
Dossiers
SCUT's
Universidade de Viseu
Serviço Finanças 2
Minas da Urgeiriça
Jornadas Parlamentares
Newsletter






a_tuabeira.gif 
     Car@ leit@r esta é uma
     secção sua.
     Uma secção onde serão
     publicadas as opiniões
     que nos enviarem com
     esse fim.
     Os textos deverão ser
     enviados para o e-mail:
      Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o JavaScript terá de estar activado para que possa visualizar o endereço de e-mail
     Não podemos publicar
     textos não assinados
     ou insultuosos.
adere.gif
Assina/segue-nos no:


Recebe automaticamente por email as novas notícias:


Insere o teu email


twitter-birds.png

Add to Google Reader or Homepage 

Outros

 

Site do Bloco de Esquerda de Viseu, Bloco, b.e., Esquerda de Confiança, Juntar Forças, São Pedro do Sul, Vouzela, Tabuaço, Oliveira de Frades, Santa Comba Dão, Penedono, Penalva do Castelo, Nelas, Mortágua, Tondela, Vila Nova de Paiva, Tarouca, Armamar, Resende, Cinfães, Carregal do Sal, Sernancelhe, São João da Pesqueira, Sátão, Coração de Jesus, Rio de Loba, Campo, Abraveses, São José, Orgens, António Minhoto, Osvaldo Numão, Maria Graça Pinto, Carlos Vieira, Carlos Couto, Daniel Nicola, Bandeira Pinho, Alexandrino Matos, Rui Costa, Joel Campos, António Amaro, Manuela Antunes, Carla Mendes, Joge Carneiro, Padre Costa Pinto, Francisco Louçã, Marisa Matias, Miguel Portas, Pedro Soares, Magaça

Egipto, a hora da Libertação! PDF Imprimir e-mail
08-Fev-2011
Opinião
Texto de Maria da Graça M. Pinto

protesto-egito-20110128-01-size-598.jpgNas últimas semanas, o Egipto tem sido palco de gigantescas manifestações  populares  exigindo  o fim da ditadura e da opressão  neste país.  As ameaças, a mobilização do exército e da polícia e o silenciamento dos órgãos de comunicação social não conseguiram travar a expressão da vontade de mudança do povo egípcio que se manifesta contra a corrupção e a pobreza, e exige liberdade e esperança económica.
 Na terça-feira, dia um de Fevereiro, cerca de dois milhões de pessoas saíram há rua e na praça Tahrir, praça da Libertação, uma imensa multidão  exigiu a demissão do presidente Mubarak.
Perante os protestos populares o ditador recusou demitir-se. E não é por acaso que, na sequência do discurso de Mubarak os manifestantes anti regime, que  de forma pacífica se manifestavam  há muitos dias, foram alvo de violentas investidas levadas a cabo  por  alegados apoiantes de Mubarak, que, segundo a oposição egípcia, integravam muitos polícias à paisana .
Tudo leva a crer que estes distúrbios foram desencadeados por forças  interessadas em travar o processo de democratização da sociedade egípcia, numa tentativa desesperada de dar força ao  argumento esgrimido pelo ditador Mubarak de que uma transição de poder a curto prazo provocaria o caos.
Os Estados Unidos da América e a Europa liberal compactuaram tempo demais com  um  regime opressivo,  obedecendo à estratégia de conviverem  bem com   líderes controláveis à frente de regimes ditatoriais  em países árabes.  Sempre em nome da defesa de uma pretensa paz e estabilidade.
 E é este mundo alegadamente civilizado e democrático que agora,  hipocritamente, manifesta a sua profunda preocupação e defende   uma  mudança “estável”  com base num compromisso com as forças do ditador, o  que, na prática, significa uma  operação cosmética na qual alguma coisa muda para que tudo continue na mesma .
Os EUA e a Europa têm, agora, uma oportunidade histórica para resgatar os seus erros. Queremos acreditar que neste cenário ainda possa haver um mínimo de decência  na defesa da democracia e do  direito à indignação de um povo oprimido.
Oxalá que o desenvolvimento deste processo faça jus ao cenário das grandiosas manifestações registadas no Cairo, a Praça da Libertação!

04/02/2011
 
< Artigo anterior   Artigo seguinte >
Destaque
bannercp11.jpg
Gui Direitos Estudante
brochuraestudantes.jpg
virus_12.jpg
Sites do Bloco

be_esq.jpg
grupo_parlamentar_copy.png
be_sitebe.jpg
 beinternacional.jpg
videos_parlamento.jpg 
videos_campanha.jpg
livraria_online_copy_copy.gif

be_ecoblog.jpg

Bloco no FacebookBloco no MySpace

 Bloco no TwitterBloco no Youtube

 Bloco no hi5Bloco no Flickr

Online
© 2023 Bloco de Esquerda - Distrito de Viseu
Joomla! is Free Software released under the GNU/GPL License.